Publicações

Noticia - Postado em 13/08/2014 10:08:41
ABBTUR participou da TEDxRio que apresentou propostas para as cidades

Evento reuniu plateia de mil pessoas no Teatro Municipal, nesta terça-feira, dia 12 de agosto e contou com a participação do Presidente da ABBTUR Nacional, Turº Elzário Júnior.

Propostas para a criação de uma cidade mais humana, mais verde, menos engarrafada e mais integrada deram a tônica da terceira edição do TEDxRio, que reuniu 22 palestrantes no Teatro Municipal, e uma plateia de aproximadamente mil pessoas. Com o tema “Metrópole”, o evento foi dividido em quatro blocos: “Inspirações do Amanhã”, “Metro ID”, “Estação Desafio” e “Próxima Parada: o futuro”. Em todos eles, cultura, saneamento e educação foram debatidos, mas mobilidade foi o assunto mais em pauta.

O ex-prefeito de Bogotá, capital da Colômbia, que entre 1998 e 2001 aplicou melhorias em espaços públicos na cidade, Enrique Peñalosa defendeu o potencial do Rio de Janeiro para protagonizar uma mudança no sistema de transporte. Segundo ele, que foi um dos responsáveis pela ampliação do uso de bicicletas na capital colombiana, a população não pode achar que engarrafamentos e transportes públicos de má qualidade são coisas naturais.

— Há menos de 90 anos as mulheres não votavam e isso parecia normal. Hoje a mesma coisa acontece com os engarrafamentos — comparou Peñalosa. — Não pode ser natural um ônibus parado no trânsito, pois dentro dele tem dezenas de pessoas. Os ônibus têm que ter muito mais espaço nas ruas do que os carros. Isso é democracia.

Para o arquiteto Luiz Fernando Janot, a visão imediatista normalmente usada para resolver os grandes  problemas de uma cidade acaba comprometendo a qualidade de vida de todos. De acordo com o arquiteto, para pensar no futuro de uma metrópole deve-se olhar primeiramente para o futuro da Humanidade.

— Hoje temos 7,2 bilhões de pessoas no mundo. A previsão é de que, em 2050, sejamos 10 bilhões. Ou seja, não teremos só cidades e metrópoles. Teremos megalópolis — constatou Janot. — O planejamento precisa evoluir. Não podemos pensar, em pleno século XXI, da mesma forma que fazíamos no século passado.

Durante os intervalos das palestras, o público participou das exposições, que apresentaram projetos sociais relevantes dos mais diferentes lugares. Puderam também participar da novidade desta edição do TEDx: o “Pitching”, um espaço para a expressão de ideias pessoais. Dez participantes foram selecionados para falar.

O último bloco do evento, “Próxima Parada: o Futuro”, contou com a participação da paisagista Cecilia Herzog. Ela, que investiga diferentes cidades do mundo em busca de soluções sustentáveis de alto desempenho, falou sobre o paradigma de planejar e projetar cidades incluindo a natureza. A Coreia é um exemplo. Conseguiu permear o país inteiro com essa filosofia, revitalizando córregos, se preparando para as mudanças climáticas.

Todas as palestras foram transmitidas ao vivo pelo site http://www.tedxrio.com.br, em breve, estarão disponíveis para o público.

voltar ver mais

 
 

 Parceiros